Raízes – Salmo 1.3

raizes

Ele é como árvore plantada junto a corrente de águas, que, no devido tempo, dá o seu fruto, e cuja folhagem não murcha; e tudo quanto ele faz será bem sucedido“. 

Uma das coisas que podemos considerar como positiva neste tempo de pandemia é a parada brusca na velocidade que estávamos vivendo. Assoberbávamos-nos de trabalhos, de compromissos sociais e religiosos, de atividades para nós e nossos filhos; vivíamos cansados, estressados e ansiosos por algum tempo livre. Com exceção dos profissionais da saúde e serviços essenciais, a grande maioria passou a trabalhar em casa e isto gerou mais tempo para a família. Que maravilha! Tudo resolvido! Será…? No fim das contas as pessoas continuam cansadas (agora porque precisam ficar em casa e dar atenção aos seus familiares próximos), estão estressadas e ansiosas para que tudo seja liberado para voltarem à normalidade. Isto não parece insanidade? Onde está a felicidade? Onde está o sentido da vida? 

O salmista diz que o problema é onde “plantamos” o nosso coração. O trabalho é fonte de sustento e até pode gerar algum prazer ou realização pessoal, mas a fonte da alegria e da felicidade é estar na presença de Deus, é se alimentar dele, é ser “regado” por sua graça e amor. Quanto mais tempo em sua presença, maior será nossa colheita e maior será nossa alegria. Quando estamos na presença de Deus sentimos paz, satisfação e realização. O Senhor é nossa maior riqueza. 

Onde você tem “plantado” o seu coração? Jesus disse: “…onde está o vosso tesouro, aí estará também o vosso coração” (Lc 12.34). 

Um bom e abençoado dia!

Rev. Joel

A Agenda para 2020 está quase pronta!

Em Fevereiro todos os eventos já estarão agendados e você poderá visualizar por aqui.