Mateus 5.3 – Feliz o humilde

pobreza_Pixabay_231117

Bem-aventurados os humildes de espírito, porque deles é o reino dos céus”.

A expressão “bem-aventurado” significa afortunado, abençoado ou feliz. É uma forma poética para expressar um sentimento de elevada felicidade por alcançar um determinado objetivo. Jesus ensinou aos seus discípulos que este objetivo desejável e agradável era “ser” humilde de espírito, e isso independia dos bens que qualquer um tivesse. 

A palavra grega para “humildes” é “ptocos”, e era usada para descrever um estado de pobreza extrema, tal qual um mendigo ou indigente. Quem está nesta condição de humildade sabe que carece da ajuda alheia para tudo – alimento, proteção, abrigo, etc., e sem a misericórdia sua subsistência torna-se impossível.  O propósito de Jesus com esta frase é ensinar seus discípulos que confiassem somente em Deus e na sua divina providência.

Não é fácil ser humilde de espírito. Fácil é acreditar que tudo o que se possui – seja muito ou pouco –  é fruto da determinação em alcançar os objetivos materiais (bens), mentais (conhecimento), sentimentais (relacionamento) e espirituais (salvação). Quem é humilde de Espírito sabe que tudo isto vem das dadivosas mãos do Senhor e que ele, em sua imensa misericórdia, concede aos pobres não o que desejam, mais sim o que necessitam.  

Felizes são os que conhecem a Cristo, que confiam na graça de Deus, que ouvem a voz do Espírito Santo. Estes sabem que tudo é efêmero, menos Deus e tudo o que se refere ao reino dos céus. 

Você é humilde de espírito? 

Um bom e abençoado dia!

Rev. Joel 

A Agenda para 2020 está quase pronta!

Em Fevereiro todos os eventos já estarão agendados e você poderá visualizar por aqui.