“Alegrei-me quando me disseram: Vamos à Casa do SENHOR”

familia

Ir à casa de Deus é um grande privilégio. Muitos são os motivos para ir à igreja. Primeiro porque é lá que podemos sentir com maior intensidade a sua presença, pois é um lugar santo, separado para este encontro de Pai e filhos. É nesta qualidade de filhos que nos reunimos, que nos alegramos, que cantamos juntos, que andamos debaixo da sua luz e mantemos comunhão uns com os outros e com o nosso Senhor (1Jo 1.7). 

Além do sagrado que ali está presente, somente aqueles que são filhos, herdeiros da promessa, eleitos na eternidade e salvos pela cruz podem – e devem – se achegar ao Pai de misericórdia. É na sua casa do Pai que aprendemos a perdoar, a estender a mão ao necessitado, a ajudar até mesmo quem não merece, como Ele próprio nos demonstrou através da vida e obra de Jesus Cristo. A casa do Pai é lugar de acolhida, de amor, de esperança. 

É bem verdade que em toda família há algum desentendimento, e às vezes alguma desavença. Na casa do Pai isto também pode acontecer entre filhos mais novos, que ainda não cresceram na graça e no conhecimento, que ainda não amadureceram na fé. Porém, o lugar destes também é dentro de casa, pois é na casa do Pai que há desenvolvimento da salvação (Fl 2.12-15 – leia porque é importante!).

O salmista diz que ele se alegrava quando o convidavam para ir à casa do Senhor. De fato, a igreja é o melhor lugar do mundo para estar. Vamos alegrar nossos amigos e parentes convidando-os para experimentarem a grata alegria de estar – e permanecer – na casa do Pai.

Uma boa e abençoada semana!

Rev. Joel 

A Agenda para 2020 está quase pronta!

Em Fevereiro todos os eventos já estarão agendados e você poderá visualizar por aqui.